Felicidade dura pouco


14/02/2020 - Autor(a): Ana Paula Fuchs Amaral

Felicidade dura pouco

Continuando a nossa série sobre Crenças Limitantes, hoje vamos falar sobre nossa predisposição ou não em enxergar e receber a felicidade.

Primeiro, precisamos excluir do nosso vocabulário a seguinte frase “alegria de pobre dura pouco”. Essa frase reflete uma crença limitante muito forte.

O conteúdo desse ditado é para quem não acredita que é merecedor de uma bênção ou de prosperidade (em todos os sentidos da palavra).

Por isso, precisamos reformular nossa forma de enxergar aquilo que chega até nós como bênção. Precisamos aceitar o que o universo nos oferece e sermos gratos.

Isso vale para oferta de emprego, presente de aniversário, cura de uma doença e por aí vai… Temos que mostrar gratidão a toda felicidade que nos alcança.

Vamos exercitar? Comente abaixo “sou grato por todas as bênçãos recebidas”


Compartilhar